BENEDITO x CONTREIRAS disputam a GESTÃO no CRECI de MT

Dia 07/07 todos os Corretores de Imóveis do Estado de Mato Grosso, sem nenhuma excessão, estão obrigados a votarem no processo eleitoral que definirá Presidente e Conselheiros para a próxima Gestão do Conselho de Classe, que se renova a cada três anos.

O Conselho de Classe é apenas a Polícia do Mercado Imobiliário. A equipe de Conselheiros e Presidente eleita para administrar a autarquia tem a obrigação de COBRAR AS ANUIDADES DEFINIDAS PELO COFECI (o Presidente do CRECI não tem nenhum poder de abaixar ou aumentar a anuidade do Corretor), de REALIZAR as AGENDAS DE FISCALIZAÇÃO para coibir o exercício ilegal da profissão dentro dos seus limites territoriais,  e ACATAR os PROTOCOLOS de Corretores e da Sociedade Civil nos assuntos relativos à ética e à legalidade do Exercício da Profissão de Corretor de Imóveis exercida por Pessoas Físicas e Jurídicas. 

O que fugir disso NÃO É ATRIBUIÇÃO DO CRECI e quem prometer mudar questões fora das atribuições do Cargo a que está concorrendo está ENGANANDO o Corretor com o objetivo apenas de conquistar o voto.

NÃO HÁ OPOSIÇÃO NESTAS ELEIÇÕES EM MT : Após a gestão de Ruy Pinheiro, que ergueu o Conselho de Classe que conhecemos hoje, permanecem de forma contínua e ininterrupta nos mais altos cargos Políticos e Administrativos do CRECI tanto BENEDITO ODÁRIO quanto CLAUDECIR CONTREIRAS, ambos oficialmente dividindo em condições iguais o poder da Instituição em MT.

A Autarquia CRECI, em todo o Brasil, é formada por um modelo de gestão bi-partite, onde existe a representação política da entidade exercida pelo PRESIDENTE ( com os poderes de representação pública, de classificação das informações internas como Pública/Confidencial/Secreta/ou UltraSecreta e, dentre outros, de assinar o maior ato político da categoria, que é o de poder aceitar ou rejeitar a inscrição de novos corretores, independente de terem ou não feito o curso de TTI, chancelando a opinião da plenária na entrega de carteiras) e pelo DIRETOR-SECRETÁRIO ( exercendo a atribuição de Gestor de todos os procedimentos Administrativos da entidade e à quem estão subordinados todo o corpo fiscal e de apoio de gestão da entidade). 

No CRECI é o PRESIDENTE quem assina com o DIRETOR SECRETÁRIO as Carteiras de todos os Corretores de Imóveis, dando-lhes a autorização para o exercício da profissão.  Observe o tamanho do PODER de decisão do Diretor Secretário sobre os atos da entidade, que não é ele quem assim com o Presidente, mas sim é o Presidente quem assina com ele os atos e a gestão interna da entidade.

Dessa forma não há como falar em OPOSIÇÃO nestas eleições, pois Benedito Odário pleiteia, através da CHAPA 1 permanecer por mais 3 anos na presidência da entidade e CLAUDECIR CONTREIRAS, através da CHAPA 2 quer também permanecer na gestão e representatividade da entidade, pois já foi o Todo-Poderoso DIRETOR SECRETÁRIO do Creci nos 3 primeiros anos e por último, na atual gestão é o VICE-PRESDENTE da entidade, tendo ocupado até bem recentemente o cargo de Assessor Parlamentar  perante o COFECI,  exercendo também em Brasília o poder de representação pública da entidade.

PROPOSTAS DAS DUAS CHAPAS : As propostas das duas chapas são praticamente iguais. Não há novidades consideráveis nem de um lado nem de outro.  Ambos prometem abrir sedes no interior do estado, no entanto os terrenos das sedes já estavam anteriormente prometidos para o CRECI, então quem continuar na gestão só irá construir em cima dos terreno já conquistados.

Ambas as chapas prometem a implementação do serviço de Ouvidoria, o que é uma obrigação de todas as Autarquias realizarem em cumprimento ao Termo de Acordo celebrado entre o COFECI e a CGU.

No desespero de conquistar votos há quem esteja prometendo rediscutir a lei federal que rege a profissão de corretor de imóveis e também diminuir o valor das anuidades do CRECI, o que é uma PROMESSA, no mínimo estranha, pois caso seja eleito o candidato PROMETEDOR não terá NENHUM PODER para isso

QUEM DISPUTA SEU VOTO, DIA 07/07 PARA A PERMENÊNCIA NO PODER :

  • CHAPA 1 – BENEDITO ODÁRIO atual presidente, que já foi Conselheiro do CRECI durante a era-de-ouro do Conselho e agora ocupa o cargo de atual PRESIDENTE da entidade quer permanecer no cargo por mais um mandato.
  • CHAPA 2 – CLAUDECIR CONTREIRAS, atual vice-presidente, que já percorreu os cargos de Diretor-Secretário na gestão anterior, Coordenador da Fiscalização (responsável por coordenar os trabalhos de todos os fiscais do CRECI) e também quer o seu voto para permanecer no cargo também por mais um mandato porém ocupando o cargo de PRESIDENTE.

NOVIDADES NESTE PROCESSO ELEITORAL : Apesar de só haver propostas de continuidade de gestão e trocas de membros entre as duas chapas, temos neste pleito a presença de Fernando Barcellos, que se apresenta para compor a gestão de uma das Chapas no cargo de Diretor Secretário.  Luiz Fenando Pinto Barcellos é um dos fundadores do CNAI (Cadastro Nacional de Avalidores Imobiliários), foi Presidente da maior entidade internacional de representação de integração de corretores de imóveis do Brasil nos EUA e Europa, a CILA, e participa atualmente do COFECI na definição das Normas que regem a avaliação de imóveis judicial, bancária e Comercial no Brasil.  Também é Barcellos quem está compondo a bancada de interlocução com a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) para a possibilidade da criação de uma Norma Específica para a avaliação imobiliária do valor de mercado de imóveis, PTAM.

COMO VOTAR : O SINDIMOVEIS MT alerta a que TODOS VOTEM neste dia 07/07, independente da IDADE, pois a falta no voto implica em multa de uma anuidade.


Para Votar você deve realizar seu RECADASTRAMENTO baixando o app I-CORRETOR do COFECI ou do CRECI de MT.
No rodapé desta matéria disponibilizamos vídeos e material explicativo para que você possa, ainda HOJE, receber em seu email sua SENHA DE VOTAÇÃO, que será enviada pelo COFECI.


Seu voto será DADO EM SEU CELULAR .Neste ano não haverão locais de votação além da sua casa ou e onde você estiver com o seu celular.  Ninguém que more em municípios mais afastados da capital poderá alegar distancia da urna para não votar.

Cabe ao CRECI de cada estado orientar o Correto sobre os procedimentos para obter sua senha, porém TODA a Gestão e Operacionalização do PROCESSO ELEITORAL, que ocorre eletronicamente, é de CONTROLE TOTAL e EXCLUSIVO do COFECI, de Brasilia.

Neste ano 100% dos corretores de imóveis de mato grosso são OBRIGADOS a VOTA, sob pena de multa de uma anuidade. Tem dúvidas ? Não recebeu sua senha do COFECI para a votação ? Assista ao vídeo a seguir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post SINDIMÓVEIS viabiliza Certificação à LGPD para CORRETORES e IMOBILIÁRIAS de TODO O BRASIL
Next post IMÓVEL NA WEB é melhor sem CORRETOR ? O GOLPE TÁ AÍ, CAI QUEM QUER !